Pular para o conteúdo

Plantas em casa

Aprenda a cultivar e cuidar do Lírio da Paz

Lírio da Paz Aprenda a cultivar e cuidar do Lírio da Paz

Os Lírios da Paz são fáceis de cultivar em casa, mas existe um segredo para terem sempre as charmosas flores brancas

O Lírio da Paz, também conhecido como Bandeira-branca, é uma das plantas de interior mais populares. Muito usado na decoração de ambientes internos, o Lírio-da-Paz chama a atenção por causa de suas “flores” brancas que fazem um lindo contraste com as folhas alongadas em verde-escuro.

PUBLICIDADE

Aliás, o que muita gente pensa que sejam flores são, na verdade, inflorescências onde a parte branca é uma folha modificada conhecida como espata, que cresce envolvendo as centenas de minúsculas flores organizadas em formato de espiga.

lirio da paz espata Spathiphyllum

A espata é uma folha modificada que serve para atrair os polinizadores para as minúsculas flores organizadas em formato de espiga.

Os Lírios da Paz, são plantas nativas de regiões tropicais das Américas, México e sudeste da Ásia.

O gênero Spathiphyllum reúne cerca de 40 espécies, sendo o Spathiphyllum wallisii a variedade mais usada no paisagismo e decoração de interiores.

Variedades como o Lírio-da-Paz-Gigante (Spathiphyllum cannifolium) que pode alcançar 1m de altura e é levemente perfumado, o Mini-Lírio-da-Paz (Spathiphyllum wallisii) e o Lirio-da-Paz-variegado (Spathiphyllum ‘Domino’) são relativamente fáceis de ser encontrados à venda.

Lirio da Paz variegado Spathiphyllum 'Domino'

Lírio da Paz variegado - Spathiphyllum 'Domino', se diferencia do Lirio da Paz apenas pelas folhas que têm manchas esbranquiçadas e textura levemente rugosa.

Os Lírios da Paz são plantas fáceis de cuidar mas, ainda assim, é preciso conhecer as condições adequadas para que essa bela folhagem se desenvolva bonita e saudável na sua casa.

Continue lendo e veja os principais cuidados que você deve ter para cultivar os Lírios da Paz:

Onde cultivar o Lírio da Paz

Como grande parte das plantas de interior, os Lírios da Paz gostam da meia-sombra.

Se você espera que seu Lírio da Paz produza mais das suas atraentes espatas brancas com flores, coloque ele em locais onde a luz é mais intensa e brilhante, sem sol direto. Sob sol pleno, as folhas do Lírio da Paz vão ficar com bordas marrons.

Já se você preferir que ele se desenvolva como uma bela folhagem verde-escura, você pode colocá-lo praticamente em qualquer lugar que receba pouca luz, mas nunca na escuridão.

O Lírio da paz produz um efeito visual incrível quando utilizado em maciços em um canteiro ou jardim. Porém, de acordo com seu projeto e com a sua criatividade, um único Lírio da Paz pode se tornar o centro das atenções se for usado como ponto de destaque.

Maciço de Lirios da paz no jardim

O Lírio da paz produz um efeito visual incrível quando utilizado em maciços em canteiros ou jardins.

Lembre-se de conferir se no local não existem correntes de ar – por serem plantas tropicais, os Lírios da Paz não se dão bem em baixas temperaturas.

PUBLICIDADE

Como regar o Lírio da Paz

Um dos erros mais comuns de quem está começando a cultivar o Lírio da Paz em casa, acontece com o excesso de água na hora da rega.

Antes de regar, é fundamental conferir se o substrato está realmente seco. Toque a terra aprofundando o dedo e sinta se a mistura está úmida ou seca. Se seu dedo sair sujo de terra, a mistura ainda está úmida e não precisa ser regada. Se a ponta do dedo estiver limpa, regue ao redor de toda a terra até perceber que a água começa a pingar pelos furos do vaso.

O Spathiphyllum é tolerante à seca, e a falta d’água vai fazer com que ele pareça murcho, como se estivesse desmaiado, mas vai se recuperar assim que for regado novamente ou tiver o vaso mergulhado num balde, ou tanque com água. 

Minha recomendação é de que evite que o Lírio da Paz permaneça caído por dias. Já vi plantas de clientes não se recuperarem totalmente, o que provavelmente teve relação com a própria saúde da planta.

Se você tem dúvidas de como regar suas plantas, não deixe de ler nosso guia Como regar plantas em vasos e pare de matar suas plantas.

As fotos acima mostram um antes e depois assustador de um Lirio da Paz gigante (Spathiphyllum S. 'Mauna Loa'). Na primeira foto, vemos a planta seca e na outra foto, aproximadamente meia-hora depois de ser regada. Mas, dependendo da saúde da planta e do tempo que ela fique com sede, a recuperação pode não ser completa.

Como adubar o Lírio da Paz

Os Lírios da Paz não são exigentes com a adubação, mas para que ela se desenvolva saudável, você pode usar um adubo equilibrado do tipo NPK 10-10-10 na frequência recomendada pelo fabricante.

Contudo, se você espera que ele tenha sempre as charmosas flores brancas, é bom dar uma forcinha. O segredo é usar um adubo com uma proporção maior de fósforo (P), como o NPK 04-14-08, bem no final do inverno ou início da primavera.

Se estiver usando um adubo granulado ao invés de líquido, lembre-se sempre de regar a planta ao redor de todo o vaso logo depois de misturar o produto à camada superficial de substrato, pois o acúmulo de fertilizante pode queimar as raízes.

Evite adubar demais, pois o excesso pode causar manchas marrons nas folhas. Flores ou brácteas, levemente esverdeadas ao invés de brancas, também podem ser sinais de excesso de adubação.

Se preferir uma adubação orgânica, aplique uma camada de húmus de minhoca ou esterco e vá misturando levemente ao substrato do vaso, regando em seguida.

PUBLICIDADE

Quando replantar o Lírio da Paz

Se seu Lírio da Paz está tão cheio que as raízes aparecem na superfície do vaso ou já saem pelos furos de escoamento, é hora de colocá-lo num vaso maior. 

Plantas nessas condições podem ter dificuldade para absorver a água da rega, parecendo desmaiadas mesmo poucos dias depois de regadas. Isso acontece porque as raízes tomaram o lugar do substrato e a água não consegue mais ficar retida, passando direto até o escoamento. 

Para fazer a troca, vire o vaso de lado, segure a folhagem sem apertar e puxe a planta para fora do vaso. Se for um vaso de plástico, aperte as laterais por toda a volta para que o torrão se desprenda.

Lirio da Paz troca de vaso

Raízes muito desenvolvidas acabam tirando espaço do substrato, e a planta pode ter dificuldade para absorver a água e os nutrientes.

Quando o Lírio da Paz estiver fora do vaso, verifique se as raízes estão enoveladas, compactadas com o formato do vaso. Nesse caso, use os dedos para amaciá-las suavemente, pressionando com cuidado para não desfazer o torrão. Assim, as raízes poderão se espalhar no novo vaso.

O vaso novo deve ser pelo menos 5 cm maior que o anterior, mas se não quiser trocar o vaso você vai precisar dividir seu Lírio da Paz fazendo mudas, para que ele fique mais confortável e possa se desenvolver saudável.

Uma dica extra: os Lírios da Paz não gostam de vasos muito maiores do que suas raízes. Escolha um vaso que seja aproximadamente um terço maior que a raiz da sua planta.

Lembrando que o novo vaso deve ter um bom sistema de escoamento de água, e para isso você deverá fazer a camada de drenagem. Veja aqui como preparar a Camada de Drenagem do jeito certo.

Como fazer mudas do Lírio da Paz

Um bom momento para fazer mudas de Lírio da Paz é quando se percebe que o vaso está muito cheio, com a planta crescendo bem próxima da borda do vaso.

Assim como foi explicado para replantar o Lírio da Paz em um novo vaso, vire o vaso de lado, segure a folhagem sem apertar e puxe a planta para fora do recipiente. Se for um vaso de plástico, aperte as laterais para que o torrão se desprenda.

Retire seu Lírio da Paz do vaso e identifique na base da planta, os ramos que possuem raízes e podem ser divididos. Dependendo da idade da planta e se o substrato estiver maleável, pode ser que você consiga separar as mudas somente com as mãos. Caso contrário, use uma faca serrilhada, pode ser aquelas faquinhas de cozinha, para dividir o torrão e acomode as mudas em um novo vaso onde já tenha uma camada de drenagem e um pouco de substrato como base.

PUBLICIDADE

Posicione o topo do torrão cerca de 2 a 3 cm abaixo da borda do novo vaso e coloque o substrato por toda a volta. Dê umas batidas leves com o vaso numa superfície para que o substrato acomode e use as pontas dos dedos para apertar a mistura suavemente e firmar a muda. Complete com mais substrato, se for necessário.

Você pode usar as novas mudas para presentear parentes e amigos que ainda não tenham plantas em casa, e fazer despertar neles o amor pela jardinagem.

 

Qual o tipo de solo ideal para o Lírio da Paz

O Lírio da Paz deve ser cultivado em um solo rico em matéria orgânica. Uma dica é usar um substrato para mudas e plantio que é bem soltinho por ser um composto balanceado, fácil de ser encontrado nas floriculturas.

Se preferir, você pode preparar sua própria mistura usando 2 partes de terra vegetal para 1 parte de matéria orgânica – húmus de minhocaesterco de gado ou composto orgânico.

 

O Lírio da Paz é toxico?

Do ponto de vista técnico, o Lírio da Paz não é considerado venenoso. 

Na verdade, todas as suas partes, ou seja, caules, folhas e até suas elegantes flores brancas contêm uma substância, oxalato de cálcio, que pode causar uma reação inflamatória se for ingerido por animais, crianças e até por adultos.  

Lirio da Paz é toxico

Mesmo o pólen de suas flores pode causar irritação na boca de cães e gatos se for lambido do pelo ou das patas. Então, procure manter seu Lírio da Paz num local onde animais de estimação e crianças não alcancem.

Para saber mais sobre os riscos que essa e muitas outras plantas ornamentais podem oferecer, não deixe de ler o artigo 25 plantas tóxicas para cães e gatos – Provavelmente você tem uma delas em casa ou gostaria de ter.

Lírios da Paz purificam o ar

Os Lírios da Paz conseguem purificar o ar do local onde estiverem.

Um estudo realizado pela Nasa em 1989 revelou que o Lírio da Paz foi a espécie mais eficiente na remoção de poluentes orgânicos do ar, incluindo benzeno, formaldeído e tricloroetileno. 

Além disso, o Lírio-da Paz auxilia na remoção do mofo presente em locais de alta umidade, como o banheiro, por exemplo, além de ajudar a eliminar os esporos de mofo no ar.

Taí mais um excelente motivo pra colocar alguns Lírios da Paz espalhados pela casa, não é verdade?

PUBLICIDADE

Por causa de suas folhas largas, o Lírio da Paz acaba se tornando um verdadeiro depósito de poeira, e isso faz com que sua folhagem fique sem cor e sem brilho.

Então, procure lavar ou limpar suas folhas a cada 3 meses, ou sempre que perceber poeira demais. Seu Lírio da Paz ficará mais feliz e saudável, já que poderá fazer melhor a fotossíntese e provavelmente, uma filtragem do ar mais eficiente.

Para limpeza das folhas do Lírio da Paz, você pode dar-lhe um bom banho em uma pia e deixar a água correr pelas folhas. 

Se tiver dificuldade em deslocar sua planta até uma pia, use um pulverizador com o bico ajustado para posição de jato intermediário ou um pano macio e úmido.

Nunca use produtos para dar brilho nas folhas, pois podem fazer mal à saúde da planta.

 

Pragas e doenças

Os Lírios da Paz são bastante resistentes à pragas e doenças.

Provavelmente os maiores problemas que afetam essas plantas são a podridão de raízes e fungos, causados pelo excesso de água na hora de regar.

Mas, como boa parte das plantas de casa, os Lírios-da-paz não estão livres do ataque de Cochonilhas. Sendo assim, observe com frequência sua planta, principalmente na parte de trás das folhas e nas junções dos caules.

Aproveite quando for dar aquele banho no seu Lírio, como já vimos, e repare se não existem invasores escondidos.

Veja agora um resumo das principais informações que reuni neste artigo:

Nome popular

Lírio-da-Paz, Bandeira Branca, Espatifilo.

Nome científico

Spathiphyllum wallisii

Família

Araceae

Meia sombra / sombra

Rico em matéria orgânica

Rega moderada, sem encharcar o solo

Sem contra-indicações, sendo ideal inclusive para limpeza das folhas

Deve-se evitar colocá-lo em locais onde haja corrente de ar frio

Divisão de touceira

Não deve ser mastigada ou ingerida por conta da presença de cristais de oxalato de cálcio em todas as partes da planta

Agora que você aprendeu bastante sobre como cuidar do Lírio da Paz, comece hoje mesmo a aplicar as dicas.

Aproveite a incrível capacidade que ele tem para purificar o ar, e abuse da criatividade espalhando Lírios-da-Paz pela casa. Mas lembre-se: se tiver crianças pequenas e animais de estimação, use essa planta sempre em locais onde não possam alcançar.

Lhe desejo sucesso com suas plantas e Lírios-da-Paz sempre floridos!

Não deixe de compartilhar essas informações com quem ama plantas!

Leia também

Mais recentes

Zamioculcas Como cuidar

Zamioculcas - Aprenda a cultivar e cuidar

Uma planta fácil de cuidar e que vai bem em ambientes de pouca luz

Begonia Rex

Begônia Rex
Como cuidar da maneira certa

Revelamos alguns segredos para você ter essas plantas fantásticas sempre bonitas e saudáveis

poinsetia como cuidar

Como cuidar da Poinsétia -
Planta Bico-de-papagaio

Tudo que você precisa saber para ter sua Planta Bico de Papagaio bonita mesmo depois do Natal

como cuidar da pata-de-elefante

Como cuidar da Pata-de-elefante

Tudo que você precisa saber para cultivar do jeito certo

Mais lidos

como fazer a camada de drenagem em vasos

Como fazer a Camada de drenagem em vasos do jeito certo

Aprenda a fazer do jeito certo e pare de perder plantas

Como cuidar do Pacová

Como cuidar do Pacová

Aprenda como cultivar o Pacová ou Babosa-de-Pau na sua casa

como cuidar da Ludísia Orquídea pipoca

Como cuidar da Ludísia - Orquídea Pipoca

A orquídea fácil de cuidar

Como cuidar do Chifre-de-veado

Chifre-de-veado

Aprenda a cuidar desta samambaia escultural

como cuidar da avenca

Como cuidar de Avenca

7 dúvidas que podem matar sua planta

como cuidar de hera

Como cuidar da Hera

Saiba tudo sobre esta trepadeira bastante versátil

Como cuidar da Fitônia ou Planta Mosaico

Como cuidar das Fitônias

O Guia completo para cultivar e ter sua Fitônias — Fittonia albivenis — sempre bonitas em casa

como cuidar da peperomia melancia

Peperômia Melancia

Como cuidar do jeito certo

Como cuidar de samambaia

Como cuidar de Samambaia

O Guia completo para ter samambaias sempre bonitas

Como cuidar da planta Jibóia

Como cuidar da Jibóia

Saiba tudo sobre a planta que vai bem em qualquer ambiente

como cuidar de ripsalis

Ripsális Cacto-macarrrão

Aprenda a cuidar e tirar mudas fácil, fácil

suculentas pintadas

Suculentas Pintadas

Isso é tudo que você precisa saber sobre elas

como cuidar da palmeira rafis raphis ráfia

Palmeira Ráfis

Como cuidar da palmeira mais versátil que você pode ter em casa

Como cuidar das marantas

Aprenda a cuidar das Marantas

Conheça a planta que é uma verdadeira obra de arte

Como cuidar da Pleomele

Como cuidar da Pleomele reflexa

Aprenda a cultivar e tirar mudas do jeito certo

Asplênio /
Samambaia Ninho-de-passarinho

Aprenda o jeito certo de cuidar

como cuidar de anturio

Como cuidar do Antúrio

7 Segredos para você ter Antúrios sempre bonitos (e com flores)

Como cuidar da comigo ninguém pode

Comigo-ninguém-pode

Como cuidar do jeito certo e seguro

Como cuidar da Costela de Adão

Costela de Adão

Conheça os segredos para ter sucesso no cultivo da Monstera

Como cultivar suculentas dentro de casa

Como cultivar suculentas em casa

Aprenda a escolher as suculentas certas para ter em casa

25 plantas toxicas para cães e gatos

Conheça 25 plantas tóxicas para Cães e Gatos

Provavelmente você tem uma delas em casa
(ou gostaria de ter)

como regar plantas em vasos - Blog Plantas em Casa

Como regar plantas em vasos

5 dúvidas que matam suas plantas

como identificar cactos e suculentas

Como identificar Cactos e Suculentas

Conheça o livro que vai ajudar você a identificar seus cactos e suculentas

ARTIGOS RELACIONADOS

ARTIGOS RECENTES

como cuidar da pata-de-elefante

Como cuidar da Pata-de-elefante

Tudo que você precisa saber para cultivar do jeito certo

Leia também

Como cuidar de samambaia

Como cuidar de Samambaia

O Guia completo para ter samambaias sempre bonitas

como cuidar da peperomia melancia

Peperômia Melancia

Como cuidar do jeito certo

como cuidar de hera

Como cuidar da Hera

Saiba tudo sobre esta trepadeira bastante versátil

Participamos do Programa de Associados da Amazon, um serviço de intermediação entre a Amazon e os clientes, que remunera a inclusão de links para o site da Amazon e os sites afiliados.

error: