Como cuidar do Pacová

Pacová - Philodendron martianum - é uma planta tóxica para cães e gatos

Provavelmente você também já se apaixonou por essa planta linda chamada Pacová.

Não é pra menos, já que ela aparece com frequência nos posts sobre decoração e capas de revista. Mas aí vem aquela dúvida: como cuidar do Pacová e manter ele bonito dentro de casa?

Tenho certeza que depois de ler este artigo, você vai ter condições de cultivar essa linda planta do jeito certo e vê-la crescer bonita e saudável.

Antes de mais nada, vamos conhecer um pouquinho sobre ela.

O Pacová é uma planta nativa do Brasil, mais especificamente da região da Mata Atlântica, e em seu habitat natural,  fica debaixo das árvores.

É uma planta epífita, ou seja, se agarra ao tronco das árvores e a outras plantas que servem somente como suporte para suas raízes. É bom lembrar que uma planta epífita não é uma planta parasita, ou seja, a epífita não absorve os nutrientes da planta onde fica agarrada, mas sim da atmosfera no meio onde vive.

O Pacová chama a atenção principalmente por suas folhas grandes, rígidas e brilhantes que são sustentadas por caules curtos e bem espessos.

Esses caules são na verdade pseudobulbos, de aparência gordinha, firmes, porém levemente macios, o que acontece por conta de sua estrutura interna ser parecida com a de uma esponja, acumuladando uma boa quantidade de água. 

Se cortarmos um caule saudável de um Pacová, provavelmente conseguiremos ver bastante água escorrendo dele. E é por conta disso, que em algumas regiões do Brasil o Pacová é chamado popularmente de Babosa de pau ou Babosa de árvore, mas ele não tem nenhuma ligação com a Babosa medicinal (Aloe barbadensis).

Essa capacidade de armazenar água, faz com que o Pacová também seja considerado uma planta suculenta.

Sendo da família das Araceaes, o Pacová pode apresentar inflorescências. Assim como acontece com outras espécies da mesma família como o Lírio da Paz (Spathiphyllum) e o Antúrio (Anthurium), suas inflorescências se parecem com pequenas espigas que nascem no meio da folhagem de forma discreta e sem valor ornamental.

Pacová inflorescencia

As inflorescências do Pacová nascem no meio da folhagem e não possuem valor ornamental

Por conta de sua origem na Mata Atlântica, gosta de ambiente quente e úmido, mas não tolera calor em excesso nem temperaturas muito baixas.

Na natureza, por estar sob as árvores e plantas de maior porte, recebe aquela luz filtrada que chega por entre as folhas e galhos ao seu redor, o que faz do Pacová uma planta de meia-sombra. 

Antes de mais nada, um detalhe importante: o Pacová é uma planta tóxica para cães e gatos. Se você tem animais em casa, lembre-se de colocar sua planta em um local que dificulte o acesso deles. Para conhecer outras plantas que oferecem risco, não deixe de ler nosso artigo 25 plantas tóxicas para cães e gatos: provavelmente você tem uma delas em casa (ou gostaria de ter).

Veja agora, como cuidar do Pacová:

Luz

O Pacová aprecia ambientes de meia sombra. Então, acomode seu exemplar próximo a uma janela onde a luz chegue de forma filtrada, sem sol direto.

Em áreas externas ou mesmo em varandas, proteja o Pacová do sol para que não fique desidratado, com as folhas queimadas e acabe sendo atacado por pragas ou fique doente.

Substrato ou mistura de plantio

O fato de ser planta epífita nos ajuda a entender qual o tipo de substrato ideal para o Pacová.
Como já vimos, na natureza o Pacová vive sob as árvores, locais onde existe uma grande quantidade de matéria orgânica composta basicamente por folhas, galhos, gravetos, cascas de frutas, insetos e animais em decomposição, deixando o solo bem soltinho e com bastante umidade.

Procure imitar este terreno usando um substrato a base de terra vegetal ou terra mista – aquela que cheia de pedacinhos de casca de árvore, gravetos, partes de folhas secas – e adicione ainda mais fibras, como casca de pinus média, fibra de côco ou mesmo vermiculita e areia grossa de construção para que a mistura fique bem soltinha. Nunca use uma mistura argilosa, porque vai reter muita água, impedindo que as raízes respirem e acabem apodrecendo.

Rega:

O solo das florestas onde o Pacová vive é bastante úmido, mas não é enxarcado.

Agora que você já sabe que o substrato ideal para o Pacová não pode reter muita água, só precisa mantê-lo sempre úmido.

Dependendo da região onde você mora ou mesmo do local onde estiver cultivando sua planta, regar uma vez por semana pode ser suficiente, mas nem pensar em achar que isso é uma regra.

Uma planta colocada numa varanda que recebe vento constante vai perder umidade do substrato muito mais rápido do que se estivesse dentro de casa. O mesmo acontece se você mora em uma área quente e seca, onde mesmo dentro de casa, a planta vai desidratar mais rapidamente do que se estivesse sendo cultivada em um local mais úmido e com temperaturas mais amenas.

Se tiver dúvidas com relação a isso, não deixe de ler nosso post “Como regar plantas em vasos” e entenda como regar todas as suas plantas.

Adubação

O Pacová não é uma planta muito exigente com relação à adubação. Use um adubo equilibrado do tipo NPK 10-10-10 no início do ano e no finalzinho do inverno, para manter as folhas bem verdes e bonitas, sempre seguindo as recomendações de quantidade que constam na embalagem do produto.

Uma dica: por conta das suas folhas serem grandes e largas, quando perceber que estão com uma aparência menos brilhante ou mesmo empoeiradas, use um paninho úmido para limpá-las, sempre com bastante cuidado, já que apesar de parecerem resistentes podem se quebrar. Você também pode pulverizar água nas folhas para para fazer essa limpeza, tomando cuidado para não acabar encharcando o substrato com a água que escorrer por elas.

Limpar as folhas do Pacová não só vai deixar sua planta mais bonita como também vai ajudar no seu processo de desenvolvimento.

Reprodução

O Pacová se reproduz por semente ou por estacas de caule.

Por sementes, é um processo bastante demorado, mas a reprodução por estacas é simples de ser conseguida em casa. Para isso, a planta precisa ser adulta, onde a parte inferior do caule, o colo, já esteja com aparência amarronzada e soltando raízes.

Conclusão:

Agora que você já conhece os segredos para se ter um Pacová bonito dentro de casa, é colocar em prática e ver sua planta se desenvolver bonita e saudável.

Nome popular

Pacová / Babosa de pau / Babosa de árvore

Nome científico

Philodendron martianum

Família

Araceae

Sombra / Meia sombra

Rico em matéria orgânica

Rega moderada, sem enxarcar o solo

Sem contra-indicações

Tolera

Por sementes e estacas

É uma planta tóxica para cães e gatos

Não deixe de compartilhar essas informações com quem ama plantas!

Leia também

Como cuidar do Antúrio

7 Segredos para você ter Antúrios sempre bonitos (e com flores)

Como cuidar da Costela de Adão

Costela de Adão

Conheça os segredos para ter sucesso no cultivo da Monstera

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

como cuidar de hera

Como cuidar da Hera

Saiba tudo sobre esta trepadeira bastante versátil

como cuidar de ripsalis

Ripsális Cacto-macarrrão

Aprenda a cuidar e tirar mudas fácil, fácil

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

como cuidar da palmeira rafis raphis ráfia

Palmeira Ráfis

Como cuidar da palmeira mais versátil que você pode ter em casa

Chifre-de-veado

Aprenda a cuidar desta samambaia escultural

Como cuidar da comigo ninguém pode

Comigo-ninguém-pode

Como cuidar do jeito certo e seguro

Asplênio / Samambaia Ninho-de-passarinho

Aprenda o jeito certo de cuidar

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

como cuidar da avenca

Como cuidar de Avenca

7 dúvidas que podem matar sua planta

Como cuidar de samambaia

Como cuidar de Samambaia

O Guia completo para ter samambaias sempre bonitas

como regar plantas em vasos - Blog Plantas em Casa

Como regar plantas em vasos

5 dúvidas que matam suas plantas

suculentas pintadas

Suculentas Pintadas

Isso é tudo que você precisa saber sobre elas

como cuidar da peperomia melancia

Peperômia Melancia

Como cuidar do jeito certo

como identificar cactos e suculentas

Como identificar Cactos e Suculentas

Conheça o livro que vai ajudar você a identificar seus cactos e suculentas

Participamos do Programa de Associados da Amazon, um serviço de intermediação entre a Amazon e os clientes, que remunera a inclusão de links para o site da Amazon e os sites afiliados.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE