Como cuidar de avenca

Acabe de vez com as 7 dúvidas mais comuns sobre a mais delicada das samambaias

avenca como cuidar

Se você quer saber como cuidar de avenca em vaso,  antes de mais nada precisa conhecer um pouco mais sobre essa plantinha tão amada.

As avencas (Adiantum raddianum) são samambaias muito delicadas e ornamentais, nativas do Brasil.

Existem mais de 200 espécies de avencas por todo o mundo e a maioria delas pode atingir até 40cm de altura, mas algumas variedades,  como o Adiantum tenerum, podem chegar até 90 cm de altura.

As avencas são plantas rizomatosas, ou seja, desenvolvem-se a partir de rizoma, que é um caule horizontal dentro da terra.

Suas folhas, também conhecidas como frondes, são subdivididas em inúmeras folhinhas ou pinas e nas espécies mais comuns para cultivo em casa, essas folhinhas têm forma de leque, algumas com as bordas bastante recortadas.

avenca partes da planta

Lindas e frondosas na natureza e nas lojas de plantas, mas quando trazemos pra casa…

avencas no orquidario do Jardim Botanico do EJ

Avencas em seu habitat natural no Jardim Botânico do Rio de Janeiro

Por serem bastante delicadas, conquistaram a fama de plantas de difícil cultivo, já que são muito exigentes com relação às condições para seu crescimento.

Não posso negar que sou um dos que contribuem para que a avenca tenha essa reputação, já que até hoje matei algumas dessas plantinhas. Afinal, é muito frustrante depois de escolher a avenca mais bonita e cheia de brotos da prateleira do garden center, trazê-la pra casa e depois de algumas semanas ver suas folhas amarelando e secando, não acha?

Avencas em vaso são encontradas com facilidade nos garden centers, quiosques de plantas e até mesmo em alguns supermercados

Se você quer saber como cuidar de avenca em vaso, prometo que esse artigo vai iluminar seu caminho, mas para ter sucesso com essa planta, vai precisar também de um pouco de paciência.

Cheguei à conclusão de que o segredo para se ter sucesso com a avenca em apartamento ou dentro de casa é conseguir um bom equilíbrio entre luz, umidade do solo e do ambiente, o que pode parecer um verdadeiro desafio.

Mas, se você se empenhar em atender essas exigências da sua avenca, essa samambaia vai lhe recompensar com uma bela folhagem. Vamos lá?

Conheça os tipos de avenca que você pode ter em casa

Existem diversas variedades de avenca que podem ser cultivadas em casa, mas neste artigo reuni dicas e cuidados que podem ser seguidos para as espécies mais comuns e fáceis de encontrar nos garden-centers e lojas de plantas.

Veja algumas delas:

Avenca
Adiantum raddianum

Avencão
Adiantum peruvianum

Avenquinha
Adiantum microphyllum

Avenca crespa
Adiantum tenerum

1 – Qual o local ideal para se cultivar a avenca em casa?

Como toda samambaia, as avencas apreciam bastante umidade não só no substrato, mas também no ambiente ao redor. Afinal, as avencas são plantas originárias das florestas.

As avencas são plantas de meia-sombra e apesar de serem samambaias, elas precisam de luz forte sem sol direto. Se ficarem sob o sol, suas folhas vão torrar rapidinho.

Já em ambientes escuros, suas folhas vão amarelar e a planta não vai se desenvolver.

Foto: Pinterest

As avencas precisam de bastante luz, mas sem sol direto.

Uma boa pedida é acomodá-la junto a uma janela que receba bastante luz, sem sol direto.

E nada de vento. O vento é o maior inimigo da avenca, já que seus pecíolos (caules) são bem finos e se quebram com muita facilidade. Sem falar nas folhas novas que surgem bem frágeis e vão morrer logo logo por causa do vento.

E aí vai uma dica de ouro: Proteja a avenca do vento colocando-a junto de outras plantas mais resistentes que formem uma barreira para ela. 

Para quem quer cultivar a avenca em apartamento, assim como eu faço, aconselho que pense duas vezes antes de colocar sua avenca em uma varanda aberta. Dentro de casa, as chances da sua planta vingar são bem maiores. 

2 – Qual tipo de vaso devo usar para cultivar as avencas?

Como a avenca precisa de um substrato constantemente úmido, é recomendado mantê-la plantada em um vaso feito com material não poroso. Uma boa idéia e manter sua planta em um vaso plástico, provavelmente o mesmo  onde veio plantada e colocá-lo dentro de um bonito cachepot para deixar o visual mais atraente.

Mas, se preferir ter sua avenca em um vaso mais elegante, escolha um modelo em cerâmica vitrificada ou esmaltada,  sempre com furo para escoar a água e sem esquecer de preparar a camada de drenagem usando argila expandida ou brita, para que a água não fique empoçada nas raízes.

Para aprender a preparar a camada de drenagem, não deixe de ler também este outro conteúdo Como fazer a camada de drenagem em vasos.

Vasos de xaxim ou fibra de coco também podem ser usados, mas neles não será preciso montar a camada de drenagem por conta da sua alta permeabilidade. 

Nem pensar em usar vaso de barro, já que o barro vai absorver boa parte da umidade, fazendo com que o substrato seque rapidamente e aumentando sua responsabilidade em regar com mais frequência.

Mas se você ama vaso de barro e não abre mão de ter sua avenca plantada nele, sugiro que impermeabilize o interior usando Neutrol ou goma laca.

Agora, vamos ver qual tipo de substrato usar na hora de replantar sua avenca.

3 – Que tipo de terra ou substrato é o mais indicado para cultivar as avencas?

As variedades de avenca mais cultivadas como plantas de interior crescem nas florestas, seu habitat natural. Lá, se desenvolvem em áreas onde a terra contém grande quantidade de matéria orgânica além de ser bastante porosa. 

Sendo assim, a mistura de plantio mais indicada para as avencas deve ser rica em matéria orgânica e permitir uma boa drenagem.

Use uma mistura a base de terra vegetal, esterco ou húmus de minhoca e acrescente uma parte de areia grossa ou mesmo fibra de coco, nas seguintes proporções:

2 partes de terra vegetal

1 parte de composto orgânico: esterco curtido ou húmus de minhoca

1 parte de areia lavada de rio ou fibra de coco

4 – Como regar a avenca?

como regar avenca

Como já vimos, as avencas são plantas originárias das florestas, um ambiente bastante úmido.

Isso significa que a mistura de plantio deve ser mantida sempre umedecida, nunca deixando secar completamente, principalmente na parte junto às raízes.

Regue sua avenca despejando a água em diferentes pontos do vaso para que toda a mistura fique molhada de maneira uniforme. Aguarde a água escorrer pelo furo do vaso, e se isso não acontecer, pode molhar mais um pouco.

Além de manter a mistura sempre úmida, é importante conservar a umidade em volta da planta. Para isso, mantenha o vaso sobre um prato com pedriscos e água.

Nos dias mais quentes e secos, pulverize a folhagem para deixar sua avenca ainda mais satisfeita. 

Para voltar a regar, espere que a parte superior da mistura, cerca de uns 2,5cm,  esteja completamente seca. Para conferir, é só colocar o dedo na terra: se o dedo sair sujo, a terra ainda está úmida e sua avenca não deve ser regada. Se o dedo sair limpo, é hora de molhar novamente, sempre tomando o cuidado de não encharcar a mistura.

Mas se você preferir ter um controle maior sobre a situação, sugiro que invista em um medidor de umidade que vai te ajudar bastante.

Se você quer aprender a regar todas as suas plantas, não deixe de ler este outro conteúdo:  Como regar plantas em vasos: 5 dúvidas que podem matar suas plantas.

5 – Como adubar as avencas?

As avencas não são muito exigentes com relação à adubação. Você pode usar adubos líquidos comuns, do tipo NPK 10-10-10, a cada 2 semanas seguindo as instruções do rótulo.

Porém, uma adubação rica em nitrogênio é mais indicada. Adubos com essa característica são achados facilmente no mercado e também em nossa loja e são próprios  para samambaias. Eles são vendidos nas versões líquida, em pó ou em pastilhas, e têm na sua composição, uma quantidade maior de nitrogênio (N) do que potássio (P) e fósforo (K).

Exemplos de fertilizantes minerais específicos para samambaias

Também é interessante acrescentar farinha de casca de ovo à adubação da sua avenca. Com ela, você vai deixar o substrato com mais cálcio, o que ajuda a manter as plantas mais firmes, dificultando a vida de lagartas que possam aparecer.

Para usar, basta misturar levemente um pouco dessa farinha ao substrato e regar em seguida. Não se preocupe se parecer que colocou farinha demais, porque essa farinha leva bastante tempo para se decompor, sem risco de “overdose” na sua planta. Repita a aplicação a cada 30 dias.

6 – Avencas são atacadas por pragas?  E quais as doenças mais comuns?

Todas as plantas estão sujeitas ao ataques de pragas ou doenças, mas, sendo uma variedade de samambaia, a maior ameaça vem das lagartas.

Plantas colocadas junto à janelas abertas ou mesmo em varandas, correm maior risco de infestação já que borboletas e mariposas chegam com facilidade até elas, deixando lá seus ovos. 

Por serem plantas bastante delicadas, as avencas são facilmente devoradas por lagartas. Mas o fato de ter folhas pequenas (exceto a variedade avencão), ajuda na localização das invasoras.

Para saber mais sobre como eliminar as lagartas em avencas, não deixe de ler nosso Guia completo sobre samambaias.

Outra praga que pode surgir sem ser notada, é a Cochonilha de carapaça.

Nas fotos a baixo, dá pra perceber o estrago que as cochonilhas fizeram na minha avenca. Antes que acabassem com toda a planta, apliquei óleo de neem e tratei de desalojar uma-a-uma com as próprias mãos. Confesso que é desanimador, mas depois desse tratamento a planta vem conseguindo se recuperar muito bem.

como cuidar de avenca - cochonilhas de carapaça

Observe com frequência os pecíolos da avenca e repare se as cochonilhas de carapaça não se alojaram por lá.

Com relação à doenças, sendo a avenca uma planta que precisa ser mantida constantemente úmida, é preciso tomar cuidado com as regas, já que o excesso de água pode causar seu apodrecimento.

7 – Como fazer mudas de avenca?

As avencas não possuem flores, e sua reprodução acontece através dos esporos, pequenos pontinhos marrons encontrados no verso das folhas adultas. Os esporos são um tipo de “semente”, que se desprendem naturalmente da planta quando estão maduros, caindo no terra e dando origem a uma nova muda.  Mas não se anime achando que é um processo fácil de ser feito em casa.

Foto: Pixabay

avenca esporos

Os pequenos pontinhos atrás das folhas das avencas são os esporos, responsáveis pela reprodução natural da planta

O jeito mais fácil de reproduzir avencas, é através da divisão de rizomas. Para dividir uma avenca, retire-a do vaso e sacuda com cuidado a mistura que estiver sobre as raízes. Com uma faca afiada , corte o rizoma na porção que desejar, desde que possua algumas frondes.

Plante cada porção em um vaso pequeno, usando o mesmo tipo mistura da planta mãe. Mantenha  a mesma profundidade de antes de ser cortada, tomando cuidado para não enterrar demais o rizoma. A mistura deve estar úmida, mas não molhada.

Conclusão

Esse artigo foi elaborado para que, a partir de agora, você pare de perder suas avencas ou pelo menos, que isso demore bem mais pra acontecer.

Vimos como escolher o melhor local para elas, o tipo de vaso mais indicado, assim, como detalhes sobre a rega, adubação e as tão temidas pragas e doenças. Mas, com dedicação e mantendo sua atenção nas necessidades dessa delicada plantinha, você provavelmente vai conseguir até tirar muitas mudas, como também foi mostrado no final desse artigo.

Veja agora um pequeno resumo de tudo o que vimos.

Nome popular

Avenca

Nome científico

Adiantum raddianum

Família

Polypodiaceae

Meia sombra / Luz indireta intensa, sem sol direto

Rica em matéria orgânica com boa drenagem

Solo constantemente úmido, sem deixar secar as raízes

De forma moderada e somente nos dias quentes

Não tolera

Divisão de touceiras

Alta toxidade: não deve ser ingerida

Não deixe de compartilhar esse post com quem ama plantas!

Leia também

como cuidar da pata-de-elefante

Como cuidar da Pata-de-elefante

Tudo que você precisa saber para cultivar do jeito certo

Aprenda a cuidar da Costela-de-adão

Costela de Adão

Conheça os segredos para ter sucesso no cultivo da Monstera

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

como cuidar da palmeira rafis raphis ráfia

Palmeira Ráfis

Como cuidar da palmeira mais versátil que você pode ter em casa

Aprenda a cuidar do Chifre-de-Veado

Chifre-de-veado

Aprenda a cuidar desta samambaia escultural

Como cuidar da comigo ninguém pode

Comigo-ninguém-pode

Como cuidar do jeito certo e seguro

Como cuidar do Asplenio

Asplênio / Samambaia Ninho-de-passarinho

Aprenda o jeito certo de cuidar

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Como cuidar do Antúrio

7 Segredos para você ter Antúrios sempre bonitos (e com flores)

Como cuidar de samambaia

Como cuidar de Samambaia

O Guia completo para ter samambaias sempre bonitas

como regar plantas em vasos - Blog Plantas em Casa

Como regar plantas em vasos

5 dúvidas que matam suas plantas

suculentas pintadas

Suculentas Pintadas

Isso é tudo que você precisa saber sobre elas

como cuidar da peperomia melancia

Peperômia Melancia

Como cuidar do jeito certo

como identificar cactos e suculentas

Como identificar Cactos e Suculentas

Conheça o livro que vai ajudar você a identificar seus cactos e suculentas

como cuidar de ripsalis

Ripsális Cacto-macarrrão

Aprenda a cuidar e tirar mudas fácil, fácil

PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE